Vlog: Almoce comigo e ande de Streetcar em TORONTO

Conheça um dia em minha vida no Canadá. Neste vlog levarei vocês para almoçar comigo no centro de Toronto (região do Kensington Market). Irei mostrar o cardápio do restaurante vegano Grasshopper (a tradução é Grilo) e comentarei um pouco acerca das bebidas alcoólicas no Canadá. Será que posso comprar álcool em qualquer loja em Ontário? E no Quebec? Será que os estabelecimentos pedem a identidade para vender bebidas alcoólicas? Por fim, que tal andarmos de streetcar na Avenida Spadina, próximo a Universidade de Toronto e com CAMH? 

Está vindo fazer intercâmbio, trabalhar ou morar no Canadá e não sabe o que esperar? Veja como está sendo a minha experiência no exterior!

Inscreva-se: http://tinyurl.com/mandyemais


Links:

Avocado Pasta Salad (Vegan) - Salada de Macarrão com Abacate vegana




English


Ingredients:

8oz fusilli tricolor pasta
1 clove garlic
1 cup fresh mushrooms
1 ripe avocado, diced
1/2 cup chopped colored peppers
1 cup chopped sweet broccoli
1/2 cup quartered cherry tomatoes
2 tablespoons cream cheese or vegan mayonnaise
1 teaspoon vegan pesto sauce (without parmesan)
Chives
Parsley
Olive oil to taste
Salt to taste
Pepper to taste
Paprika to taste
Cumin to taste

Directions:


Cook pasta according to package directions. Drain and run under cold water. Save some of the cooking water, because you will need it to boil the broccoli.  

In the meanwhile, in a small saucepan, heat the olive oil and saute the garlic. Then add the mushrooms and let them cook. Set aside.

Then, boil the broccoli for only one minute, to keep it crunchy.

Using a cutting board, cut all the other ingredients (avocado, peppers, tomatoes, chives, parsley) and add them to your bowl. Finally, add the cream cheese / vegan mayonnaise, olive oil, salt and spices. Mix everything together. It's ready! In case you do not plan to serve it immediately, refrigerate.

Suggestions: You can change the vegetables according to what you have available in the fridge. Another tip is to put a bit of nutritional yeast instead of paprika if you want it to be cheesy.

Português

Ingredientes:

227g ou meio pacote de macarrão fusilli tricolor
1 dente de alho
1 xícara de cogumelo (fresco ou em conserva)
1 abacate maduro pequeno
1/2 xícara de pimentão colorido picado
1 xícara de brócolis picadinho e aferventado
1/2 xícara de tomate cereja cortado em quartos
2 colheres de copa (cheias) de cream cheese ou maionese vegana
1 colher de chá de molho pesto vegano (sem parmesão)
Cebolinha
Salsinha
Azeite de oliva a gosto
Sal a gosto
Pimenta a gosto
Paprica a gosto
Cominho a gosto

Modo de Preparo:

Ferva a água com sal e cozinhe o macarrão até ficar al dente. Escorra o macarrão, mas reserve a água. Lave o macarrão com água fria para parar o cozimento e coloque em uma tigela. Enquanto isso, em uma panela pequena, aqueça o azeite de oliva e refogue o alho. Depois, adicione o cogumelo até ficar cozinho. Reserve.

Use a mesma água do cozimento do macarrão para aferventar o brócolis. Um minuto é suficiente, afinal queremos deixar o brócolis crocante.

Em uma taboa corte todos os outros ingrediente (abacate, pimentão, tomate, cebolinha, salsinha). A medida que for cortando, adicione a um tigela, junto com o macarrão. Por fim, adicione o cream cheese/maionese vegana, azeite de oliva, sal e temperos. Misture tudo até ficar incorporado. Esta pronto! Caso você não sirva imediatamente, leve ao refrigerador.

Dicas: Você pode mudar os legumes de acordo com o que você tiver disponível na geladeira. Outra dica é colocar um pouco de levedura nutricional ao invés de paprica, caso queira um sabor de queijo.

O Canada é um país perfeito? Tem violência no Canada?


Ontem eu li essa reportagem chamada O dia em que furtaram meu celular, em Toronto, do site Oi Toronto e fiquei com vontade de compartilhar um pouco o meu ponto de vista.

Como vocês sabem, eu sempre sou muito transparente em minhas opiniões. O Canadá tem coisas boas e ruins. Nenhum lugar é perfeito. No vídeo sobre As Desvantagens de morar no Canadá, eu digo: devemos conhecer as dificuldades e decidir se elas valem a pena ou não para nos.


Eu adoro morar aqui e não tenho vontade de retornar ao Brasil, porém comparado a alguns países Europeus, o Canadá ainda tem muito a desenvolver.

Lembrando que, este ano o The Economist fez uma avaliação e classificou Toronto como a 8ª cidade mais segura do mundo, a mais segura da América do Norte e a melhor para se morar em todo o planeta. Eu já disse como me sinto sobre essas pesquisas, né? Eles terem dito isso, não quer dizer que seja assim. Tudo depende dos dados avaliados.



Já comentei em alguns videos que sinto-me segura no Canadá e não tenho medo de ser assaltada. Porém, isso não quer dizer que 1) eu não tome precauções, 2) essas coisas não aconteçam aqui.

Aqui existem furtos, violência e muito raramente assaltos. Uma vez, conversando com um policial em Toronto ele me contou que houve um assalto a mão armada em uma estação de metrô. Segundo ele, não era comum, mas ocorria.

Então para não nos iludirmos, segue uma lista de coisas que tem no Canadá: roubo de bicicletas ou casa vazias, abuso sexual, violência domestica, exploração infantil, morador de rua, preconceito, desemprego, assassinato, etc. 

Veja aqui as estatísticas referentes ao tema crime e justiça no Canadá. Alguns itens diminuíram, mas outros tem aumentado... Roubos e abuso sexual infantil são alguns dos que aumentaram na ultima década (infelizmente eles não tinha tabelas para ambos).


Crimes violentos registrados na policia em 2014 por cidade.
Taxa de homicido por cidade em 2013
Dirigir embriagado e crimes envolvendo drogas
Violência familiar

Moral da historia: É importante que estejamos sempre vigilantes e evitemos nos expor a situações de risco. Afinal, os carros param na faixa de pedestres, mas será que vou deixar de olhar para os dois lados por conta disso? Será que um acidente não poderia acontecer?

Quando digo que essas coisas existem, repito: isso não tira a minha sensação de tranquilidade. A escala é muito menor que no Brasil, porém, continuo vigilante.

O intuito desse texto foi tentar trazer um pouco mais da realidade canadense e compartilhar uma fonte bacana de leitura para aqueles que desejam se aprofundar no tema.

IMPRESSÕES do BRASIL após morar três anos no EXTERIOR - CANADÁ

Nesse vídeo, que foi muito pedido por vocês, conto as minhas impressões do Brasil após três anos morando no exterior, mais especificamente no Canadá. 

Fui pela segunda vez ao Brasil (Salvador/Bahia) visitar a família. O que foi ruim? O que foi bom? De forma geral não fiquei surpresa, mas minha experiência no exterior me proporcionou uma nova visão do Brasil. Eu estava acostumada (de forma negativa) a muitas coisas das quais não gostava e depois de viver em um cultura diferente, elas ficaram mais difíceis de tolerar. Ademais, ressalto que o fato de ter sido assim na Bahia, não significa que seja assim em todo o Brasil.

Tópicos: Experiência no aeroporto, falta de educação, violência, roubo, assédio sexual, grosseria, intolerância e ódio, dificuldade em encontrar alimento de qualidade, atendimento, trânsito, engarrafamento, preços absurdos, televisão brasileira e etc.

Inscreva-se: http://tinyurl.com/mandyemais



Fontes dos dados citados:

Estatística da violência no Brasil - Sinesp

Homicídio no Canada

Violência contra a mulher no Canada

Gender Gap

Links: 

IMPRESSÕES do BRASIL após morar um ano no EXTERIOR - CANADÁ

As DESVANTAGENS de MORAR no CANADÁ | Tempestade de NEVE | Ruas de TORONTO | Brasileiros no Canada

Primeiras IMPRESSÕES de TORONTO | MORAR no CANADÁ | BRASILEIROS no EXTERIOR

TTC vai modernizar o pagamento do Transporte Público em Toronto


No vídeo abaixo eu comentei que apesar de achar o transporte publico de Toronto o melhor dentre as cidade que morei no Canada, algumas coisas podem ser modernizadas. Dentre essas coisas, o principal são as passagens. 

No vídeo (minuto 8:30) eu explico detalhadamente. Para resumir, o método atual não é sustentável e geral muito lixo. Ou seja, todo mês você recebe um novo cartão mensal, ao invés de ter um cartão com chip que você possa colocar crédito. O transfer e passagens diárias também são em papel, fora que eu acho o funcionamento do transfer um pouco confuso.

Em Montreal isso é diferente, moderno e funciona muito bem. O cartão com chip (Opus card) centraliza as transações e controla inclusive o tempo e linhas que você pode usar durante a troca de transporte (transer).

Francamente Toronto, até Salvador tem smartcard! Brincadeirinha...Afinal o sistema de transporte não tem comparação... 


A boa noticia é que Toronto vai modernizar o sistema de pagamento a partir de 2017 (ainda ta meio longe, mas tudo bem).  Aos poucos, eles estão instalando leitoras de cartão (smartcard) nas estações. No final de 2015 todos os streetcars já terão a leitora do PrestoCard instalada.

Sendo assim, eles acreditam que em meados de 2017 iremos dar tchau aos tokens, tickets e transfers. Veja noticia com vídeo em inglês aqui.


Enquanto aguardarmos as mudanças, eles lançaram um aplicativo para celular através do qual você pode comprar tokens (single and ground passes). Veja abaixo o vídeo promocional e inscreva-se no canal do TTC para saber as novidades do trânsito de Toronto.



Dicas Abacus #5: Júnior, Pleno ou Sênior? Como avaliar sua experiência profissional no CANADÁ?

Júnior, Pleno ou Sênior? Como avaliar sua experiência profissional no CANADÁ? Esse é o quinto vídeo da série Dicas Abacus, no qual a recrutadora Josyanne Villeneuve fala sobre tempo de experiência e nível de senioridade.

Tópicos:
- Tempo de experiência
- Classificação júnior, pleno ou sênior
- Como avaliar qual o seu nível profissional?


Quem é a Abacus? A ABACUS é a agência líder em recrutamento especializado de profissionais de TI formados no exterior. O trabalho deles é diferenciado, pois eles fazem o preparo do candidato para a nova cultura e mercado de trabalho. Para aqueles que já estão no Canada, eles também fazem o acompanhamento de carreira. 

Eles são a única agência em Quebec desenvolvendo esse trabalho inovador e estão no mercado desde 2007. Todo esse trabalho é gratuito para você, candidato (sim, quem paga por isso são as empresas).

Para se candidatar as vagas, todos os candidatos devem possuir o CSQ (certificat de sélection du québec) ou visto de trabalho. Não importa se eles estão no Brasil ou Canada ou mesmo outro pais.

Confira os videos anteriores:





BrazilCanadaIT Google: https://groups.google.com/d/forum/brazilcanadait

BrazilCanadaIT Facebook: https://www.facebook.com/groups/BrazilCanadaIT

CONSUMIDOR no CANADÁ: Experiências Boas e Ruins

No Brasil, em geral, os direitos do consumidor não são colocados em pratica. Frequentemente escutamos historias inacreditáveis e revoltantes. Como esse é um tema que incomoda muitos brasileiros, resolvi comentar um pouco acerca do direito do consumidor no Canada, assim como algumas experiencias que tive, tanto positivas como negativas. Assista e compartilhe suas experiências.

Inscreva-se: http://tinyurl.com/mandyemais



Links:

Sites sobre direito do consumidor no Canada: Leis Federais e Leis do Quebec

Direito do CONSUMIDOR - COMPARATIVO entre Brasil e Canadá - MORAR no EXTERIOR: https://youtu.be/FucfGo-OXm0

Chegada no CANADÁ: VIAGEM internacional Toronto - Miami - Salvador: https://youtu.be/UbaRVHqYPno

Vídeo do Celso: http://www.youtube.com/watch?v=01tqjWkoSK4

Vagas para brasileiros no Canadá. Saiba mais sobre a 5ª edição da Missão de Recrutamento da Cidade de Quebec.


Quando eu conto como foi o meu processo de imigração, eu sempre comento que enquanto aguardávamos o processamento da documentação (o que dura cerca de 2 anos na etapa provincial) meu marido foi selecionado por uma empresa no Canadá e conseguiu o visto de trabalho através de uma Missão de Recrutamento feita pelo Québec International. 

Desde 2011, anualmente entre agosto e setembro eles fazem novas edições dessas Missões para vagas na Cidade de Quebec (capital da província de Quebec). E durante todo o anos, eles também publicam vagas no portal Quebec na Cabeça. Esse ano não será diferente. Eles estão divulgando a 5ª edição da missão virtual de recrutamento, dessa vez abrangendo toda a América Latina e com vagas na área de TI e usinagem. 

Para quem quiser saber mais sobre minha historia e sobre as missões/visto de trabalho, clique aqui e aqui.

Através do recrutamento virtual é possível consultar as vagas de emprego, enviar os currículos e fazer uma entrevista sem sair de casa. Os candidatos terão até 9 de agosto para o envio dos currículos em francês que serão analisados pelas empresas. Os candidatos selecionados serão convocado para uma entrevista on-line em francês

As entrevistas acontecerão entre os dias 31 de agosto e 4 de setembro de 2015. A maioria dos cargos exige um domínio intermediário da língua francesa e, por isso, alguns candidatos podem ser chamados para fazer um teste de francês antes das entrevistas. Veja as vagas disponíveis aqui.

Como Psicóloga com experiência na área de RH, eu sempre ajudei meu marido a se preparar paras as entrevistas. Desde a elaboração do currículo até a simulação de entrevistas. Veja aqui algumas dicas que foram fundamentais para o sucesso dele:


Também recomendo assistir essa playlist exclusiva sobre o tema Trabalhar no Canadá:



Desejo sucesso a todos!